banner - calendario idosos (960x171)

Calendário de Vacinação – Idosos

Calendario para idosos

Clique no calendário para ampliar ou efetuar download da imagem

Adaptado da Sociedade Brasileira de Imunizações, do Programa Nacional de Imunizações e do Comitê Assessor sobre Práticas de Imunizações dos E.U.A.

  1. De acordo com o Comitê Assessor sobre Práticas de Imunizações dos E.U.A.
  2. Na impossibilidade da aplicação das outras doses com dT, substitur pela vacina dTpa, completando três doses da vacina com o componente tetânico

A Organização Mundial da Saúde define pessoa idosa como aquela de 60 anos de idade ou mais para os países em desenvolvimento.

Saiba mais

A Organização Mundial da Saúde (OMS) define pessoa idosa como aquela de 60 anos de idade ou mais para os países em desenvolvimento e estima que, em duas décadas, o Brasil venha a ser o sexto país do mundo com a maior população de idosos; atualmente o Brasil tem cerca de 18 milhões de idosos.

Além de melhorar a qualidade de vida de maneira significativa, a imunização através das vacinas contribui para a prevenção de doenças infecciosas e, consequentemente, evita o agravo das doenças crônicas. Também reduz os gastos com medicamentos e o número de internações hospitalares.

A principal função do sistema imunológico é a de combater os agentes infecciosos e eliminar células malignas.

Denomina-se imunossenescência o envelhecimento imunológico que está associado ao progressivo declínio da função imunológica e consequente aumento da suscetibilidade a infecções, doenças autoimunes e câncer, além de redução da resposta vacinal.

O idoso é mais suscetível às infecções e sua complicações; a prevenção através da vacinação na terceira idade é a estratégia mais eficaz, com ênfase especial para as vacinas contra a infecção pneumocócica, contra a gripe, e contra a coqueluche, o tétano e a difteria.